Tratamentos > Prótese Dentária

Próteses


As próteses são os substitutos dos dentes.  Em cada contexto individual do paciente decidimos em conjunto qual a solução protética mais adequada, para que assim possamos repor um, alguns ou todos os dentes. 

De forma geral, o tratamento protético reabilitador pode ter como base/sustentação o remanescente dentário, o tecido mole presente na cavidade oral e/ou implante (s). Podem ser confeccionados a partir de uma gama grande de materiais - frequentemente associando partes metálicas para dar resistência e materiais resinosos ou cerâmicos para proporcionar estética) e rigorosamente individualizadas.

 

O grande desafio é proporcionar um tratamento que tenha adaptação perfeita ao paciente, de forma bonita e natural.

O tratamento visa substituir dentes perdidos, melhorar a estética dentária/facial e devolver função mastigatória, fonética e conforto. Laboratórios de próteses são rigorosamente escolhidos para criação propriamente dita das peças.

Prótese Fixa Unitária

Denomina-se prótese fixa unitária quando há necessidade de uma restauração parcial ou total da coroa de apenas um dente. 

Prótese Removível

Prótese que substitui dentes perdidos em arcadas (superior ou inferior), mas que ainda permanecem alguns dentes, portanto, com perda parcial de dentes. Mimetiza tanto os dentes quanto os tecidos moles e é encaixada na boca com grampos metálicos flexíveis.

 

É chamada de removível porque pode e deve ser retirada pelo portador no momento de higienização ou em qualquer outro que desejar.

Prótese Parcial Fixa

Quando há necessidade de substituição de um ou mais dentes já perdidos, passa a chamar-se de prótese parcial fixa (ou "ponte fixa").

Os dentes são previamente preparados com desgastes específicos e posteriormente "colados" no remanescente dental com cimentos odontológicos. Recebe o nome de "fixa" porque não pode ser removida pelo paciente ou pelo dentista, a menos que seja cortada com brocas especiais.